Segurança anuncia em julho projeto de prevenção da criminalidade em escolas
capa

Segurança anuncia em julho projeto de prevenção da criminalidade em escolas

Ação preventiva deverá reunir ações conjuntas de educação e geração de emprego e renda

Por
Samantha Klein

Vice-governador destaca que projeto prevê ações conjuntas entre as secretarias da Educação, Segurança e Desenvolvimento Econômico

publicidade

Após a comemoração da Secretaria da Segurança Pública com a redução dos índices de homicídios no primeiro semestre de 2019, o próximo passo da Pasta se pauta na prevenção à criminalidade nas escolas. Está em formatação um projeto transversal envolvendo colégios estaduais da área de abrangência do RS Seguro, programa que propõe ações de combate à criminalidade nos 18 municípios mais violentos do Rio Grande do Sul. 

As Secretarias da Educação e Segurança Pública estão fazendo um mapeamento das escolas localizadas em áreas de maior vulnerabilidade social, com registro de altos índices de violência e presença do tráfico de drogas. A proposta, que envolve ainda as Pastas da Saúde e do Desenvolvimento Econômico, entre outras, pretende viabilizar aulas e projetos de cultura, esporte e educação em turnos inversos, além de propostas de formação para o mercado de trabalho.

"Sabemos que via de regra, a prevenção é o que nos trará resultados efetivos a médio e longo prazo. Ou estaremos eternamente enxugando gelo com ações pontuais e operações policiais ao mesmo tempo em que estaremos jogando os jovens no mundo da criminalidade", diz o vice-governador e secretário da Segurança Pública, Ranolfo Vieira Júnior.

O detalhamento do projeto-piloto deve ocorrer até o final do mês. Segundo um diagnóstico da Polícia Civil, os 18 municípios mais violentos do Estado concentraram, na última década, quase 90% dos roubos de veículos e 83% dos roubos, além de mais de 70% dos crimes contra a vida no Rio Grande do Sul. Nessa relação, aparecem Alvorada, Cachoeirinha, Canoas, Capão da Canoa, Caxias do Sul, Esteio, Gravataí, Guaíba, Novo Hamburgo, Passo Fundo, Pelotas, Porto Alegre, Rio Grande, Santa Maria, São Leopoldo, Sapucaia do Sul, Tramandaí e Viamão.