Sinais de eventual greve de caminhoneiros são movimentos isolados, diz ministro
capa

Sinais de eventual greve de caminhoneiros são movimentos isolados, diz ministro

Tarcísio de Freitas elogiou lideranças da categoria com que tem conversado

Por
AE

Governo minimiza risco de nova greve dos caminhoneiros na próxima semana

publicidade

O ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, afirmou nesta sexta-feira que sinais de eventual greve por parte de caminhoneiros são movimentos isolados que não têm e não terão adesão da categoria. Para Tarcísio, os profissionais perceberam que a pasta está aberta para o diálogo: “Os caminhoneiros têm meu telefone pessoal. Estou em vários grupos de WhatsApp. Eles têm tido paciência grande, aguardando nossas ações”, disse o ministro.

Tarcísio afirmou ainda que não é preciso investigar “muito” para perceber que os atos isolados têm motivações políticas e partidárias por trás. “São movimentos isolados, basta pesquisar nomes e filiações para entender.” 

Lideranças de grupos de caminhoneiros organizavam uma paralisação para 16 de dezembro. Desde a semana passada, o governo tem minimizado a mobilização