Balanço diário de mortos por Covid-19 volta a subir na Itália
capa

Balanço diário de mortos por Covid-19 volta a subir na Itália

País registrou 743 mortes nas últimas 24 horas

Por
AFP

Prefeito de Vertova, Orlando Gualdi, em frente a um cemitério local


publicidade

O número de mortos por coronavírus voltou a aumentar nesta terça-feira (24) na Itália, com 743 mortes, após dois dias de queda. O número de contágios, no entanto, parece confirmar a desaceleração, de acordo com o balanço da proteção civil italiana. 

Os últimos dados indicam um aumento de 8% nos casos (cerca de 70 mil no total). O mesmo índice foi registrado nessa segunda, sendo um dos mais baixos desde o começo da pandemia em território italiano. 

Nesse domingo, o secretário da Saúde do governo regional, Giulio Gallera, comentou que os dados ainda não autorizam o povo italiano a gritar vitória diante do novo coronavírus. "Os dados estão em claro-escuro. Hoje, a clareza prevalece, mesmo que não possamos gritar vitória", disse. 

Giovanni Maga, virologista do Instituto de Genética Molecular do Conselho Nacional de Pesquisa de Pavia (Norte), enfatiza que "a evolução de casos positivos é, por vezes, flutuante". "Teremos que esperar pelo menos de dois a três dias para descobrir se essa é uma tendência real ou não", disse no canal Rai News 24.

Atualmente, a Itália é o país mais atingido pelo novo coronavírus no mundo. O país contabiliza mais de 6,8 mil mortes. 

Como prevenir o contágio do novo coronavírus 

De acordo com recomendações do Ministério da Saúde, há pelo menos cinco medidas que ajudam na prevenção do contágio do novo coronavírus:

• lavar as mãos com água e sabão ou então usar álcool gel.

• cobrir o nariz e a boca ao espirrar ou tossir.

• evitar aglomerações se estiver doente.

• manter os ambientes bem ventilados.

• não compartilhar objetos pessoais.