Com Milei em Madri, número três do Governo espanhol acusa-o de propagar 'ódio'

Com Milei em Madri, número três do Governo espanhol acusa-o de propagar 'ódio'

Yolanda Díaz afirma que embora os propagadores de ódio sejam minorias, os geradores do ódio, mas fazem um enorme barulho e inundam tudo

AFP

Yolanda Díaz acusou Javier Milei de propagar o "ódio"

publicidade

A número três do governo de esquerda espanhol, Yolanda Díaz, acusou nesta sexta-feira Javier Milei de propagar o "ódio", coincidindo com a visita do presidente argentino à Espanha e algumas semanas depois de outra crítica de um ministro espanhol.

"Não são muitos os geradores do ódio, mas fazem um enorme barulho e inundam tudo. Milei e outros governos do ódio voltam com os cortes e o autoritarismo", disse a segunda vice-presidente do governo em uma cerimônia no Ministério do Trabalho, do qual é titular.


Mais Lidas





Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895