Garrafa de vodca "mais cara do mundo" encontrada vazia após roubo na Dinamarca

Garrafa de vodca "mais cara do mundo" encontrada vazia após roubo na Dinamarca

Feita à base de ouro amarelo e ouro branco, com diamante da águia imperial russa incrustado, garrafa estava avaliada em 1,3 milhão de dólares

AFP

Feita à base de ouro amarelo e ouro branco, com diamante da águia imperial russa incrustado, garrafa estava avaliada em 1,3 milhão de dólares

publicidade

A garrafa de vodca considerada a "mais cara do mundo", roubada de um bar em Copenhague no começo da semana, foi encontrada vazia em uma obra pública neste sexta-feira, informou a polícia. "Não sei o que aconteceu com a vodca, mas a garrafa está vazia", declarou um porta-voz da polícia dinamarquesa, Riad Tooba.

A garrafa, da marca Russo-Baltique, feita à base de ouro amarelo e ouro branco, tem também um diamante incrustado, que é uma réplica da águia imperial russa, estava avaliada em 1,3 milhão de dólares antes do roubo.

Ela é propriedade de um empresário russo, que deixou emprestada no bar Café 33 de Copenhague, sem seguro. A garrafa, que chegou a aparecer na série americana "House of Cards", foi roubada por um homem de máscara no bar, segundo imagens das câmeras de segurança.

Ela foi encontrada no canteiro de obras intacta, e o proprietário do bar dinamarquês, Brian Ingberg, garantiu que podem voltar a enchê-la. "Ainda temos vodca da que estava dentro da garrafa, vamos enchê-la de novo", explicou.

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895