Plano de Trump para reduzir tropas preocupa Alemanha

Plano de Trump para reduzir tropas preocupa Alemanha

Ministro alemão das Relações Exteriores reforçou a importância de uma colaboração entre os países

AFP

Ministro alemão das Relações Exteriores reforçou a importância de uma colaboração entre os países

publicidade

O ministro alemão das Relações Exteriores, Heiko Maas, manifestou sua preocupação com as matérias dos jornais sobre a intenção do presidente Donald Trump de reduzir o número de tropas dos Estados Unidos estacionadas na Alemanha e insistiu na necessidade de uma estreita colaboração entre os dois países.

Na sexta-feira, "The Wall Street Journal" informou que Trump pediu ao Pentágono que reduza o número de militares permanentes na Alemanha em 9.500. Hoje, há 34.500 soldados espalhados nas 21 bases militares americanas na Alemanha.

Segundo analistas, isso reduziria significativamente o peso dos Estados Unidos na defesa militar da Europa, sob o guarda-chuva da OTAN. "Agradecemos pela cooperação com as Forças Armadas americanas, que cresceram ao longo das décadas. Isso é do interesse de ambos os países", disse ele jornal "Bild am Sonntag", embora tenha admitido que as relações são menos estreitas no governo Trump. "Somos aliados em nossa aliança transatlântica. Mas é complicado", admitiu Maas.

Até agora, os Estados Unidos não confirmaram oficialmente seu plano de reduzir o número de suas tropas na Alemanha para 25 mil. Tudo isso ocorre em um contexto de tensão entre o governo Trump e seus parceiros europeus sobre gastos com defesa, ou relações comerciais, entre outros tópicos em diferentes áreas.

 


publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895