Polícia de NY vai impor distanciamento social entre jovens

Polícia de NY vai impor distanciamento social entre jovens

Nova York é de longe o estado mais atingido nos Estados Unidos, com quase 2.000 mortes por Covid-19

AFP

Os quase 20 milhões de moradores do estado foram instruídos a ficar em casa, exceto para atividades essenciais, até meados de abril

publicidade

O governador de Nova York, Andrew Cuomo, disse aos policiais para serem "mais agressivos" na aplicação do distanciamento social nesta quarta-feira, quando fechou parques e quadras de basquete da Big Apple. Cuomo disse que fechava as instalações porque os jovens não obedeciam às diretrizes destinadas a conter o mortal e de rápida disseminação surto de coronavírus. "Você ainda vê muitas situações com presença maciça de jovens. A precaução ainda não está onde deveria estar", disse ele.

"Usem os espaços abertos em parques, caminhem, tomem um pouco de sol. Ótimo. Sem aglomerações, sem jogos de basquete." Ele pediu aos policiais da cidade que fizessem mais para acabar com as reuniões públicas de moradores. "O NYPD precisa ser mais agressivo", disse o governador.

Cuomo fez declarações depois que o prefeito, Bill de Blasio, disse no início da semana que os nova-iorquinos poderiam ser multados em US$ 500 se não cumprissem o distanciamento social.

Os quase 20 milhões de moradores do estado foram instruídos a ficar em casa, exceto para atividades essenciais, até meados de abril, data que provavelmente será estendida com o pico da pandemia esperado para o final do mês.

Nova York é de longe o estado mais atingido nos Estados Unidos, com quase 2.000 mortes por Covid-19 em cerca de 4.360. Cuomo disse que mais de 83.700 casos foram declarados em todo o estado, de quase 200.000 em todo o país. 


publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895