Suspeito de atentado na cidade francesa de Lyon foi indiciado e detido
capa

Suspeito de atentado na cidade francesa de Lyon foi indiciado e detido

Suspeito disse aos investigadores que jura lealdade ao grupo extremista Estado Islâmico

Por
AFP

Ataque com pacote-bomba deixou 14 feridos na cidade francesa

publicidade

O suspeito de cometer um atentado com um pacote-bomba na cidade francesa de Lyon há uma semana foi indiciado nesta sexta-feira, em Paris, por "tentativa de assassinatos terroristas" e ficou detido - anunciou a Procuradoria. O ataque cometido pelo argelino Mohamed Hichem Medjoub, de 24 anos, deixou 14 feridos.

Medjoub foi detido na segunda-feira para ser interrogado e depois levado para um juiz de instrução que também o indiciou por "associação terrorista criminosa" e "fabricação de explosivo em relação com uma empresa terrorista". Aos investigadores, o suspeito disse ter jurado lealdade ao grupo extremista Estado Islâmico (EI).