Dupla que aplicou golpe em mais de 10 mil estudantes é detida em Minas Gerais
capa

Dupla que aplicou golpe em mais de 10 mil estudantes é detida em Minas Gerais

Homens se passavam por representantes da UNE e venderam carteiras falsas a alunos gaúchos

Por
Correio do Povo

publicidade

Dois homens foram presos acusados de aplicarem golpes em mais de 10 mil estudantes de escolas do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná. Segundo o jornal Hoje em Dia, os suspeitos se passavam por representantes da União Nacional dos Estudantes (UNE) e recolhiam documentos e dinheiro de alunos de escolas públicas, prometendo confeccionarem carteiras de estudante. Eles foram detidos em Patrocínio, no Sul de Minas Gerais.

Conforme o comandante do 46º Batalhão da Polícia Militar (PM), major Jarbas de Souza, dois homens chegaram em Patrocínio na terça-feira se apresentando como representantes da UNE. Eles foram a uma escola e apresentaram um documento falso da Secretaria Estadual de Educação indicando que ambos poderiam cadastrar os alunos na entidade. Desconfiado, o superintendente de ensino do município acionou a polícia.

Dionatham Dorneles, de 28 anos, e José Bruno Fernandes de Abreu, de 23, permanecem presos na Penitenciária de Patrocínio. Há mais de 40 dias eles eram procurados pela polícia. "Eles iam até escolas públicas e cobravam R$ 8 em dinheiro para cada aluno que desejasse adquirir a carteirinha. Só em uma escola de Patrocínio, eles já haviam aplicado o golpe em 90 estudantes", revelou Souza.

Bookmark and Share