Governo do RS troca ginásio da BM por área para presídio
capa

Governo do RS troca ginásio da BM por área para presídio

Casa prisional será construída em Sapucaia do Sul

Por
Correio do Povo

Casa prisional será construída em Sapucaia do Sul

publicidade

A permuta de imóveis como o Ginásio da Brigada Militar para viabilizar a construção de um presídio em Sapucaia do Sul, na Região Metropolitana, foi publicada na edição desta terça-feira do Diário Oficial do Estado. A empresa Verdi Sistemas Construtivos Ltda será a responsável pela obra da casa prisional, avaliada em R$ 44,2 milhões e que ficará em uma área desocupada no bairro Carioca, perto do Parque Zoológico. O estabelecimento penal terá 8,8 mil metros quadrados. As obras devem durar oito meses.

A unidade prisional será nos moldes da Penitenciária de Canoas (Pecan), inclusive com o mesmo estilo arquitetônico. Serão 600 vagas, divididas em 544 celas coletivas, oito vagas para portadores de necessidades especiais, quatro de inclusão, 12 disciplinares e 32 alojamentos. Em contrapartida, o governo fará a permuta da área do Ginásio da Brigada Militar, avaliado em R$ 40,5 milhões, no bairro Santa Cecília em Porto Alegre, e de nove imóveis, seis lojas e três boxes, do Instituto de Previdência do Estado, no valor de R$ 3,7 milhões.

O ginásio foi destruído durante um temporal em 2017. O Comitê Gestor de Ativos ratificou a autorização para a contratação de permuta por área construída. A assinatura do contrato deve ocorrer nesta quarta-feira.

No período de discussão de implantação da prisão em Sapucaia do Sul foram destacados, como pontos positivos, a ocupação da área desocupada com abertura de ruas, investimentos em água, energia elétrica, aumento das linhas de transporte, além de geração de emprego e de receita para o município.