Novo Hamburgo era o destino final da cocaína flagrada na BR 101, em Paulo Lopes, em Santa Catarina

Novo Hamburgo era o destino final da cocaína flagrada na BR 101, em Paulo Lopes, em Santa Catarina

PRF abordou veículo com placas de São Leopoldo, sendo apreendidos 3,2 quilos da droga

Correio do Povo

Passageira do carro, uma adolescente levava o entorpecente na mochila

publicidade

A Polícia Rodoviária Federal de Santa Catarina confirmou nesta sexta-feira que Novo Hamburgo, na região do Vale do Rio dos Sinos, era o destino final dos cerca de 3,2 quilos de cocaína apreendidos na BR 101, em Paulo Lopes.

A droga estava em um Chevrolet Onix, com placas de São Leopoldo, que foi abordado pelo efetivo da PRF nesta quinta-feira. O entorpecente estava em uma mochila levada pela passageira, uma adolescente.

Já o motorista do veículo disse que trabalhava para um aplicativo de caronas para viagem e negou saber da existência da droga. A adolescente foi então encaminhada para a Polícia Civil e ficará aos cuidados do Ministério Público de Santa Catarina.
 


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895