Secretária relata "cena de terror" no ataque em creche de SC

Secretária relata "cena de terror" no ataque em creche de SC

Duas professoras e três crianças morreram em Saudades

R7

Ataque ocorreu na Escola Infantil e Berçário Pró-Infância Aquarela

publicidade

A secretária de Educação de Saudades (SC), Gisela Hermann, disse ao R7 que no momento da invasão do jovem na manhã desta terça-feira com uma Katana, uma espada ninja, à creche Pró-Infância Aquarela, cerca de 30 pessoas estavam no local. Duas professoras e três crianças foram mortas.

Gisela relata que, assim que soube da notícia, foi uma das primeiras pessoas a chegar no local. "Muito sangue. É uma cena de terror, de horror... fiquei muito abalada", afirmou a secretária à reportagem.

Segundo um funcionário da prefeitura, "os pais estão em choque no hospital". A informação do ataque foi confirmada pela Polícia Militar de Chapecó e pela Secretaria Municipal de Educação do município.

Veja Também

O ataque ocorreu na Escola Infantil e Berçário Pró-Infância Aquarela que atende alunos de seis meses a dois anos de idade. As crianças, duas meninas e um menino, completariam dois anos no segundo semestre deste ano, informou ao R7 a secretária de educação da cidade. Elas foram identificadas como Ana Bela, Sara Luisa e Murilo.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895