Acusações contra secretário preso não têm relação com a atual gestão, diz Doria

Acusações contra secretário preso não têm relação com a atual gestão, diz Doria

Alexandre Baldy foi detido em operação da Polícia Federal nesta manhã

AE

Governador assinou texto comentando o caso

publicidade

O governador do Estado de São Paulo, João Doria (PSDB), afirmou em nota que as acusações contra o secretário de Transportes Metropolitanos, Alexandre Baldy, não têm relação com a atual gestão do governo estadual. Baldy foi preso na manhã desta quinta-feira, 6, pela Polícia Federal em operação que apura desvios de recursos do Rio de Janeiro repassados para a organização social Pró-Saúde, que administrou diversos hospitais no Estado e em outros locais do País.

Segundo o texto assinado pelo governador, "os fatos que levaram às acusações contra Alexandre Baldy não têm relação com a atual gestão no Governo de São Paulo. Portanto, não há nenhuma implicação na sua atuação na Secretaria de Transportes Metropolitanos". "Na condição de Governador de São Paulo, tenho convicção de que Baldy saberá esclarecer os acontecimentos e colaborar com a Justiça", concluiu.

 

publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895