capa

Catálogo do Disney+ terá menos de 20% da quantidade de conteúdo da Netflix

Títulos de grandes blockbusters já estão confirmados para o catálogo

Por
Correio do Povo

Plataforma será lançada em 12 de novembro nos Estados Unidos

publicidade

O serviço de streaming Disney, que será lançado nos Estados Unidos em novembro deste ano, deve chegar ao mercado com o menor catálogo do setor. Segundo informações da revista Variety, a nova plataforma será lançada com menos de 20% da quantidade de conteúdo presente na Netflix, mas deve sair na frente no quesito qualidade. 

Conforme o levantamento, realizado pela Ampere Analysis, o Disney + irá incluir 7500 episódios de episódios de séries e 500 filmes em sua estreia. Esse número representa 16% dos 47 mil episódios e 12,5% dos 4 mil filmes presentes no catálogo da Netflix. Além disso, a biblioteca de conteúdos do serviço de streaming da Disney também será menor do que a da maioria das plataformas do setor, como Hulu e Amazon Prime.

No entanto, a pesquisa também destaca que os conteúdos da Disney estão na frente quando o assunto é percepção de qualidade pelos consumidores. Com base em algoritmo que avalia a opinião dos usuários a respeito dos principais conteúdos originais de cada plataforma, ficou constatado que o novo streaming perde somente para o HBO Go.

"Todo título da Disney precisa garantir uma audiência, mas com toda a biblioteca da Disney e da Fox para escolher, isso é muito viável", disse Richard Cooper, diretor de pesquisa da Ampere Analysis.

Títulos de grandes blockbusters, como "Capitã Marvel", já estão confirmados para o catálogo, com a vantagem de um preço menor em comparação aos seus concorrentes: 6,99 dólares (na Netflix, por exemplo, o valor da mensalidade é de 8,99 dólares). Além disso, o grupo planeja investir cerca de 1 bilhão de dólares em conteúdos originais no primeiro ano, que incluirão com mais de 25 séries e 10 filmes dos diversos estúdios, como Marvel e Star Wars.