Copa do Mundo: rodada de "arrepiar" acaba com Alemanha e Bélgica eliminadas e risadas no Brasil

Copa do Mundo: rodada de "arrepiar" acaba com Alemanha e Bélgica eliminadas e risadas no Brasil

Eliminação de algozes da Seleção Brasileira provocou brincadeiras da torcida na internet e "abriu" caminho até a semifinal

Vítor Figueiró

publicidade

A quinta-feira de Copa do Mundo foi de arrepios para os amantes do futebol e de alternância nos classificados às oitavas de final. Especialmente pelas definições no Grupo E, onde Japão e Espanha avançaram, enquanto a tetracampeã Alemanha e a Costa Rica ficaram pelo caminho. A eliminação germânica, somada ao adeus da Bélgica no Grupo F, provocou reações brasileiras na internet, que não pouparam os últimos algozes da Seleção no Mundial de brincadeiras.

Além disso, com os resultados do dia, o caminho até a semifinal ficou possivelmente mais acessível: se passar em primeiro e avançar nas oitavas, Brasil encararia o vencedor de Croácia e Japão, sem os espanhóis pela frente. Confira o resumo do dia. 

O “maluco” Grupo E

O Grupo E pode ser classificado como o mais democrático da Copa. Todas as seleções puderam sentir o gosto da classificação. Nem que fosse por poucos minutos. Logo no começo, Espanha e Alemanha abriram os placares diante de Japão e Costa Rica. Com esses placares, espanhóis avançaram em primeiro e alemães em segundo.

No entanto, no segundo tempo, os cenários mudaram. Rapidamente, o Japão virou para cima da Espanha, com direito a um gol polêmico. Por milímetros, a bola não saiu pela linha de fundo no tento marcado por Tanaka. No outro duelo, a Costa Rica marcou duas vezes e passou na frente do placar diante da Alemanha. Assim, no grupo das campeãs, Japão e Costa Rica iam se enfiando nas oitavas de final. 

O sonho costa-riquenho, porém, durou pouco. Rapidamente, Havertz tratou de marcar duas vezes e retomar a liderança para os germânicos. Depois de passar a frente, os olhos se voltaram para o confronto entre Espanha e Japão. A Alemanha até ampliou. Assim, sem riscos de serem desclassificados, a Espanha se aliviou e pouco pressionou. No apito final, festa japonesa. 

Geração belga fica pelo caminho

Terceira colocada em 2018, a Bélgica não conseguiu reproduzir o bom desempenho no Catar. Pelo contrário, deixa o Mundial com somente uma vitória e sem fazer boas atuações. Na rodada desta quinta, os belgas empataram com a Croácia e ficaram em terceiro na chave.

O jogo foi marcado por diversos gols perdidos do centroavante Romelu Lukaku. No apito final, ele quebrou o vidro do banco, irritado com o resultado. Depois de atingir seu melhor resultado na história, a Bélgica fica pelo caminho. Com o empate, os croatas avançaram em segundo, pois o surpreendente Marrocos arrancou na liderança. Os marroquinos, que ainda não perderam na Copa, venceram o Canadá. 

Alegria no Brasil

As eliminações de Bélgica e Alemanha, últimas seleções a despacharem o Brasil em Copas do Mundo, provocaram reações e “zoação” na internet. "Pode falar ou tá ocupada sendo eliminada de novo?", brincou um internauta. "Rir da Alemanha é fácil, difícil é parar de rir". A saída precoce alemã gerou reações nos jornais do país. "Que embaraçoso", resumiu o Bild. 

O chaveamento "mais acessível" também foi motivo de celebração. Se fizer seu papel, e avançar em primeiro, o Brasil já sabe quem enfrentará numa eventual quartas de final. O vencedor de Japão e Croácia. Com a derrota da Espanha, o time de Luis Henrique ficou em segundo e terá pela frente o Marrocos, do outro lado da chave.

Os resultados desta quinta definiram os seguintes confrontos: Japão x Croácia, Espanha x Marrocos. Nesta sexta, a Seleção encara Camarões e descobrirá quem será seu adversário nas oitavas entre Portugal, Uruguai, Coreia do Sul ou Gana.


Mais Lidas

Confira a programação de esportes na TV desta terça-feira, 23 de abril

Opções incluem eventos de futebol e outras modalidades esportivas em canais abertos e por assinatura



Placar CP desta terça-feira, 23 de abril: confira jogos e resultados das principais competições de futebol

Acompanhe a atualização das competições estaduais, regionais, nacionais, continentais e internacionais

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895