Em novo decreto, Montenegro flexibiliza a realização de cultos religiosos

Em novo decreto, Montenegro flexibiliza a realização de cultos religiosos

Documento foi assinado na tarde desta quarta-feira

Stephany Sander

Equipes da Secretaria de Saúde e agentes comunitários estão entregando máscaras a domicilio

publicidade

A Prefeitura de Montenegro flexibilizou, nesta quarta, a realização de atos religiosos na cidade, desde que os mesmos respeitem o número máximo de 30 pessoas, bem como o espaçamento de 2 metros entre os presentes. Os protocolos de higiene e limpeza também devem ser respeitados, conforme notas da Secretaria Municipal de Saúde.

O mesmo decreto reitera o estado de calamidade pública em todo o território do município para fins de prevenção e de enfrentamento à epidemia causada pela Covid-19 e estabelece ainda a lotação máxima envolvendo os veículos de transportes públicos. Fica permitido somente a entrada do número máximo de assentos disponíveis e a obrigatoriedade do uso de máscaras, por parte dos usuários e motoristas.

Montenegro contabiliza sete casos de coronavírus. Para incentivar o uso de máscaras de proteção pelos moradores que saem de casa, equipes da Secretaria de Saúde e agentes comunitários estão entregando os itens a domicilio, e orientando a população sobre a utilização do item em alguns bairros. Na tarde desta quarta-feira, a atividade ocorreu nos bairros Santo Antônio e Panorama.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895