Preço médio dos ovos de Páscoa subiu 10,22% em relação a 2018, revela FGV

Preço médio dos ovos de Páscoa subiu 10,22% em relação a 2018, revela FGV

Estudo levou em consideração preços coletados até a primeira semana de abril

Cláudio Isaías

Alta foi puxada, principalmente, pelos ovos com até 100 gramas, que registraram um aumento de 40,52%

publicidade

O preço médio dos ovos de Páscoa subiu 10,22% em 2019, na comparação com 2018. A alta foi puxada, principalmente, pelos ovos com até 100 gramas, que registraram um aumento de mais de R$ 10,00 (40,52%), segundo levantamento do Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getúlio Vargas (FGV Ibre). O estudo levou em consideração os preços coletados até a primeira semana de abril de ovos de diversos tamanhos, do número 9 até o 20, que variam de 100 a 400 gramas.

“Geralmente, os ovos de menor gramatura são aqueles que possuem os brindes e brinquedos, que é o que mais atrai as crianças. Para quem costuma consumir esse tamanho de ovo, e não quiser pagar mais caro este ano, uma opção é comprar barras e bombons que ficaram mais baratos”, ressaltou Igor Lino, pesquisador do FGV Ibre.

Os dados mostraram que os bombons e chocolates tiveram aumento médio de 5,24%, segundo o IPC-10, nos últimos 12 meses (entre maio de 2018 e abril de 2019). No entanto, na comparação de abril com março deste ano, o preço dos bombons e chocolates registraram queda de 3,61%.

• Movimento nas lojas de Porto Alegre é intenso nos dias que antecedem a Páscoa

“Enquanto os ovos de até 100 gramas têm um preço médio de R$ 36,00 as barras de mesma gramatura têm um preço seis vezes menor. Mas os ovos têm um apelo emocional e agradam mais os pequenos. Se os pais forem comprar, a dica é definir um valor máximo para o gasto e combinar com as crianças. Elas escolhem e ainda aprendem um pouco de educação financeira”, explicou Lino.

Outra solução mais barata é fazer o ovo de Páscoa em casa, lembrou o pesquisador do FGV Ibre. "Sai bem mais em conta. Você compra uma barra de chocolate em que o preço é seis vezes menor, e em casa mesmo você pode fazer o seu ovo de Páscoa", acrescentou.


Mais Lidas


Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895