Melo cita promessa do governo federal de que não faltarão doses para crianças

Melo cita promessa do governo federal de que não faltarão doses para crianças

Prefeito comentou que andamento da vacinação infantil dependerá do envio de imunizantes

Correio do Povo e Rádio Guaíba

Vacinação de crianças começou nesta quarta em Porto Alegre

publicidade

Logo após o início oficial da vacinação de crianças contra a Covid-19 em Porto Alegre, o prefeito Sebastião Melo esteve nesta quarta-feira na unidade de saúde Santa Marta, para um ato que marcou o começo da imunização. Ele citou a promessa do governo federal de que não faltarão testes e vacinas para as crianças ao longo das próximas semanas.

"O andamento da imunização vai depender basicamente do escalonamento do governo federal, que garantiu que não irá faltar testagem e nem doses para as crianças", afirmou em entrevista à Rádio Guaíba. 

Melo salientou ainda que Porto Alegre está plenamente preparada para vacinar as crianças de cinco a 11 anos. "Há um ano, fizemos a primeira vacina aqui na cidade. De lá para cá, fizemos uma governança muito forte e fez com que Porto Alegre se tornasse uma das cidades com um dos maiores índices de vacinação do País. Sempre incentivamos a vacina e hoje estamos fazendo isso com a gurizada. A ciência mostra que é um bom caminho e eu vejo Porto Alegre preparada para isso", disse 

Veja Também

A prefeitura de Porto Alegre organizou a imunização infantil contra a Covid-19 em sete locais. Crianças de 10 e 11 anos com comorbidades ou com deficiência permanente, ou indígenas e quilombolas de 5 a 11, poderão receber a dose das 8h às 17h nas unidades Chácara da Fumaça, Clínica da Família IAPI, Clínica da Família José Mauro Ceratti Lopes, Moab Caldas, Nova Brasília, Santa Marta e Santo Alfredo. 

Já para a população acima de 12 anos será mantida em 42 locais. Além do Shopping João Pessoa, serão outras 41 unidades de saúde, sendo sete delas com atendimento até as 21h: Belém Novo, Diretor Pestana, Morro Santana, Primeiro de Maio, Ramos, São Carlos e Tristeza.

*Com informações do repórter Aristoteles Junior 


Mais Lidas


Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895