Segurados são surpreendidos com não abertura de agências do INSS em Porto Alegre

Segurados são surpreendidos com não abertura de agências do INSS em Porto Alegre

Médicos-peritos não compareceram às agências do Instituto Nacional do Seguro Social

Correio do Povo e Rádio Guaíba

Segurados são surpreendidos com não abertura de agências do INSS em Porto Alegre

publicidade

Segurados do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) foram surpreendidos na manhã desta segunda-feira com a não abertura de agências em Porto Alegre. O mesmo aconteceu em Viamão e Alvorada, cidades da região Metropolitana. Muitos com perícias marcadas há mais de uma semana tiveram de ouvir de seguranças que precisariam voltar para casa porque não seriam atendidos pelos médicos-peritos. Os profissionais não compareceram ao local de trabalho. O INSS está há quase seis meses sem atender os usuários de maneira presencial por conta da pandemia do novo coronavírus. 

Uma das pessoas que compareceu à agência do INSS localizada na avenida Bento Gonçalves, na zona Leste da cidade, é a Marisa Silva. Com um tumor no fígado, ela relatou à reportagem da Rádio Guaíba que gastou R$ 25 para se deslocar de sua casa em Alvorada até o prédio do INSS. Ela inclusive relatou que acordou às 5h30min desta segunda para poder chegar cedo. 

Os que estiveram na agência relataram que tinham exames marcados para a realização de perícia e não foram informados sobre o fechamento da agência. O desempregado Reinaldo Dornelles afirmou que está há cinco meses sem receber e que precisa ser atendido. "Não consigo pegar um emprego e moro de aluguel. Não sei o que vou fazer da minha vida, acho que passarei fome", disse. 

Aviso de agência fechada / Foto: Alina Souza 

Os segurados que foram até a agência da avenida Bento Gonçalves encontraram um aviso no portão de entrada, relatando que o local estava fechado. Os funcionários presentes apenas disseram que a única forma para contato com o INSS é através do aplicativo ou telefone 135. Algumas pessoas chegaram a tentar a ligação através do número disponibilizado, mas ficaram mais de 20 minutos sem um retorno sobre a situação e desistiram do atendimento. 

Sem condições para atendimento presencial 

A gerência-executiva do INSS em Porto Alegre informou que as agências Centro, Sul e Partenon, assim como de Viamão e Alvorada, não reabriram hoje, porque as cinco unidades ainda não reúnem as condições necessárias para o retorno seguro do atendimento ao público. Em nota, a Gerência disse que está trabalhando intensamente nos ajustes finais e na organização das equipes, buscando a total segurança para os usuários e servidores, com o objetivo de, o mais breve possível, reabrir as portas de suas agências.

*Com informações da repórter Ana Aguiar 


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895