Johnson "suspende" adoção do Brexit à espera de reação da UE
capa

Johnson "suspende" adoção do Brexit à espera de reação da UE

Deputados britânicos rejeitaram, nesta terça-feira, debate acelerado sobre acordo

Por
AFP

Decisão compromete retirada do Reino Unido da União Europeia

publicidade

À espera de uma decisão de seus 27 sócios europeus sobre outro eventual adiamento, o premiê britânico, Boris Johnson, anunciou nesta terça a suspensão do exame parlamentar do acordo de Brexit, depois que seu calendário acelerado para implementar a saída até o fim do mês foi rejeitado por 322 votos contra 308.

Por causa da votação, que comprometeu seriamente a possibilidade de ratificação antes do dia 31, o primeiro-ministro disse aos deputados que perguntará a seus sócios europeus sobre suas intenções. "Até que tomem uma decisão, vamos suspender esta legislação", afirmou.

De acordo com uma porta-voz, o presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, está fazendo consultas com os líderes dos 27 membros da UE a respeito do pedido de prorrogação da data do Brexit feito pelo Reino Unido. "O presidente do Conselho Europeu está consultando os líderes da UE sobre a solicitação de extensão apresentada pelo Reino Unido para adiar sua saída até 31 de janeiro de 2020", anunciou Mina Andreeva no Twitter.

Em declaração nesta terça-feira, o presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, disse que a União Europeia (UE) fez "tudo que estava a seu alcance" para garantir uma saída ordenada do Reino Unido.