Todas as mulheres que disputaram o 2º turno em Minas Gerais são eleitas

Todas as mulheres que disputaram o 2º turno em Minas Gerais são eleitas

Juiz de Fora e Uberaba elegeram mulheres para as prefeituras pela primeira vez na história

R7

Elisa Araújo é a primeira prefeita da história de Uberaba

publicidade

As três mulheres que disputaram o segundo turno das eleições em três das quatro cidades em que os eleitores voltaram às urnas para escolher o próximo prefeito em Minas Gerais foram eleitas, neste domingo. Em Uberaba, a 481 km de Belo Horizonte, Elisa Araújo (Solidariedade) recebeu 57,36% (85.990) dos votos, contra 42,64% (63.932) do seu adversário Tony Carlos. A empresária de 38 anos é a primeira mulher que irá assumir o cargo na cidade.

Outra candidata que se tornou a primeira mulher a chegar na prefeitura de Juiz de Fora, a 283 km da capital mineira, é Margarida Salomão (PT). A deputada federal recebeu 54,98% (144.529) dos votos válidos, contra 45,02% (118.349) do concorrente Wilson Rezato (PSB), no segundo turno.

Em uma disputa acirrada com seu adversário, Marília Campos (PT) saiu na frente em Contagem, na Grande BH. A psicóloga recebeu 51,35% (147.768) dos votos válidos, contra 48,65% (139.987) do advogado Felipe Saliba.


Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895