Canoas contabiliza cinco casos importados de dengue

Canoas contabiliza cinco casos importados de dengue

Os positivados residem nos bairros Mathias Velho, Estância Velha e Igara

Fernanda Bassôa

Agentes endêmicos realizam pesquisa larvária em imóveis para detectar possíveis focos

publicidade

Canoas tem 25 casos suspeitos de dengue e cinco casos confirmados. Entretanto, segundo a prefeitura, todos os registros da doença teriam sido contraídos fora do município. Os positivados residem nos bairros Mathias Velho, Estância Velha e Igara. Conforme a Administração, já foram iniciados os trabalhos de campo nas localidades onde residem as pessoas infectadas.

Os agentes endêmicos da Secretaria Municipal de Saúde realizam pesquisa larvária em imóveis para detectar possíveis focos de larvas e mosquitos, pulverização de inseticida e orientações aos moradores. A pulverização de inseticida somente acontece em regiões com casos confirmados de dengue, chikungunya ou zika vírus.

O médico veterinário da Vigilância Epidemiológica, Roger Halla, explica que as equipes estão em alerta, monitorando as regiões onde possuem pessoas doentes, no intuito de que a doença não se torne transmissível na própria cidade. Em 2020 a cidade registrou 74 casos positivos, contra apenas dois em 2021.

Veja Também


Mais Lidas


Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895