Casa da Cultura Hip Hop entrega 1 mil cestas básicas para famílias da Região Metropolitana

Casa da Cultura Hip Hop entrega 1 mil cestas básicas para famílias da Região Metropolitana

Espaço promove atividades de empoderamento e de construção de cidadania, sempre de forma gratuita em Esteio

Stephany Sander

A Casa já repassou mais de 35 toneladas de alimentos desde o início da pandemia

publicidade

Mais 1 mil cestas básicas deverão ser entregues até o final da outra semana às famílias em vivem em situação de vulnerabilidade e que estão passando por dificuldades financeiras causados pela pandemia do novo coronavírus. Nesta sexta-feira, os garotos da Casa da Cultura Hip Hop de Esteio, fizeram um grande mutirão e conseguiram distribuir 350 sacolas de alimentos aos moradores da Região Metropolitana.  

O Mc e coordenador de autogestão e sustentabilidade da Associação da Cultura Hip Hop de Esteio (Ache), que gerencia a Casa, Rafael Diogo dos Santos, o Rafa, disse que de março a setembro (período da pandemia) a Casa repassou mais de 35 toneladas de alimentos. “Desde o início do projeto, lá em 2018, esse montante chega a 52,5 toneladas. É um número bem expressivo e temos orgulho disso, pois demonstra e reforça a importância que a Casa tem na comunidade, o serviço de utilidade pública que ela presta. Somos um elo da cultura, porém trabalhamos com todos os segmentos e atuamos de forma muito unida, zelando sempre pela cidadania.”  

A Casa da Cultura Hip Hip, que interrompeu as atividades no início de março justamente para evitar aglomerações e a possível transmissão do Covid-19, é um espaço independente e autossustentável. 

A Casa promove atividades de empoderamento e de construção de cidadania, sempre de forma gratuita. O local, que fica na Rua José Guimarães, nº 203) tem capacidade para 4 mil atendimentos mensais, conta com mais de 20 parceiros, entre eles o Ministério Público do Trabalho (MPT). Interessados em colaborar com o projeto, em forma de dinheiro ou doações, devem fazer contato pelo Facebook, por telefone (51) 3783-6954 ou através do e-mail achesteio@gmail.com.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895