Santa Cruz do Sul pretende custear acesso a internet para alunos

Santa Cruz do Sul pretende custear acesso a internet para alunos

Ao todo, são cerca de 11 mil alunos matriculados nas 47 escolas mantidas pelo município

Otto Tesche

publicidade

A Prefeitura de Santa Cruz do Sul pretende custear o acesso à internet para todos os estudantes da rede municipal de ensino. O plano tem como base a tendência de incorporação cada vez maior da tecnologia à educação diante dos rumos da pandemia do novo coronavírus. A intenção é tirar o projeto do papel nos próximos meses.

A proposta prevê a assinatura de contratos com as quatro principais operadoras de telefonia para que os alunos possam assistir às aulas remotas e acessar materiais de apoio de forma gratuita. A prefeitura vai pagar as operadoras por todo o consumo de dados voltado ao ensino. Ao todo, são cerca de 11 mil alunos matriculados nas 47 escolas mantidas pelo município.

O secretário de Educação, João Miguel Wenzel, informou que o governo está em contato com as empresas e a intenção é que isso se torne uma realidade o quanto antes. O sistema, segundo ele, também vai permitir uma visão exata da realidade das famílias que utilizam a rede municipal quanto ao acesso à internet. Também está no horizonte do governo um programa voltado a famílias que eventualmente não tenham acesso a dispositivos eletrônicos.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895