Saiba quanto ganham prefeitos, vice e vereadores dos maiores colégios eleitorais do RS

Saiba quanto ganham prefeitos, vice e vereadores dos maiores colégios eleitorais do RS

Levantamento traz os subsídios de Canoas, Caxias do Sul, Pelotas, Porto Alegre e Santa Maria

Correio do Povo

O prefeito com o maior subsídio, R$ 26.700,12, é o da cidade de Santa Maria.

publicidade

No dia 15 de novembro os eleitores vão às urnas decidir quem irá representá-los nas prefeituras e câmaras municipais na próxima legislatura. Mas você sabe quanto ganha cada representante? Separamos os salários dos prefeitos, vice-prefeitos e vereadores dos cinco maiores colégios eleitorais do Rio Grande do Sul: Canoas, Caxias do Sul, Pelotas, Porto Alegre e Santa Maria.  

Curiosamente, o maior salário de prefeito não é o da Capital. Quem assumir a prefeitura de Santa Maria receberá o maior subsídio: R$ 26.700,12. Já para o vice, a quantia paga é de 13.350,06. No caso dos vereadores - 21 ao total - o salário é de R$ 10.297,64.

Entre as cidades em questão, Porto Alegre tem o menor salário. O atual prefeito Nelson Marchezan Júnior recebe R$ 19.477,40. Em compensação, os 36 vereadores têm os salários mais altos entre as cinco câmaras analisadas: R$ 14.573,78, cada. O salário do vice-prefeito fica em 12.984,93.

Quase equiparando com a Capital, a cidade de Pelotas paga R$ 19.752,63 ao chefe do Executivo. R$ 9.876,31 para o vice-prefeito e R$ 10.212,29 para cada um dos 21 vereadores.

Já os 23 vereadores que ocupam a Câmara de Caxias do Sul recebem a quantia de R$ 10.607,83 cada. O valor é próximo aos salários dos legisladores de Pelotas. Já o subsídio do prefeito é de R$ 21.529,01. E o salário do vice-prefeito da principal cidade da Serra Gaúcha fica em R$ 15.626,67. 

A cidade que mais paga, em uma média geral, os melhores salários aos três cargos é Canoas, cidade metropolitana de Porto Alegre. Os valores ficam em: R$ 14.725,38 para cada um dos 20 vereadores - a maior quantia entre as cinco cidades. O vice-prefeito tem salário de R$ 15.626,67, novamente, o maior entre os cinco municípios, e R$ 24.041,05 ao prefeito, ficando atrás apenas do de Santa Maria.

Porto Alegre sai na frente com a maior folha salarial para o legislativo. A soma dos subsídios dos 36 vereadores é de R$ 542 mil mensais. Seguido por R$ 294 mil em Canoas, R$ 243 mil em Caxias do Sul, R$ 216 mil em Santa Maria, e R$ 214 mil em Pelotas.

Os valores analisados levam em consideração apenas o salário bruto, sem considerar demais benefícios, e foram consultados no portal da transparência de cada prefeitura e de cada câmara legislativa. Os subsídios dos agentes políticos são uma competência municipal e variam de cidade para cidade.  

PORTO ALEGRE:
Prefeito: 19.477,40
Vice-prefeito: 12.984,93
Vereadores: 14.573,78 (36 vereadores)

CANOAS:
Prefeito: 24.041,05
Vice-prefeito: 15.626,67
Vereadores: 14.725,38 (20 vereadores)

CAXIAS DO SUL
Prefeito: 21.529,01
Vice-prefeito: 15.078,52
Vereadores: 10.607,83 (23 vereadores)

PELOTAS
Prefeito: 19.752,63
Vice-prefeito: 9.876,31
Vereadores: R$ 10.212,29 (21 vereadores)

SANTA MARIA
Prefeito: 26.700,12
Vice-prefeito: 13.350,06
Vereadores: R$ 10.297,64 (21 vereadores)


Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895