Geada provoca perdas de 25% em lavouras de trigo no Rio Grande do Sul

Geada provoca perdas de 25% em lavouras de trigo no Rio Grande do Sul

Cereal á uma das culturas mais atingidas porque parte da lavoura está em floração, estágio mais suscetível a danos da geada

Correio do Povo

Principais casos registrados no final de semana ocorreram no Noroeste do Estado

publicidade

As geadas da semana passada provocaram perdas de pelo menos 25% do potencial produtivo das lavouras de trigo no Rio Grande do Sul, segundo avaliação preliminar da Federação das Cooperativas Agropecuárias do Estado (FecoAgro/RS). O cereal á uma das culturas mais atingidas – há danos também em cultivos de frutas –, já que parte da lavoura está em floração, estágio em que fica mais suscetível aos efeitos da geada. O presidente da FecoAgro/RS, Paulo Pires, afirma que a entidade forma a percepção deste cenário com base no relato de produtores e das cooperativas.

No Paraná, maior produtor nacional, a geada não comprometeu a safra do trigo. O agrônomo da Divisão de Estatísticas do Departamento de Economia Rural (Deral) da Secretaria da Agricultura, Carlos Hugo Godinho, explica que o estado deve colher mais do que nos últimos três anos.


publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895