Candidatos ao Piratini concentram atividades em Porto Alegre no domingo da eleição

Candidatos ao Piratini concentram atividades em Porto Alegre no domingo da eleição

Dos dez candidatos ao governo do RS, quatro votam no Interior, mas só dois não terão agendas na Capital

Felipe Nabinger

Corrida pelo Palácio Piratini já começou

publicidade

Os candidatos ao governo do Estado vão focar suas agendas em Porto Alegre no domingo de eleições. Dos dez postulantes à vaga no Piratini, seis votam na Capital e dos quatro com domicílio eleitoral no interior gaúcho, dois farão o deslocamento após o voto. Entre as agendas, como de praxe, estão o acompanhamento do voto de integrantes das chapas majoritárias e compromissos com a imprensa.

Eduardo Leite (PSDB) vai a Esteio, onde após café da manhã com o governador Ranolfo Vieira Júnior, acompanha o voto do correligionário na Escola Municipal Oswaldo Aranha, no Centro do município. De lá, viaja a Pelotas, onde vota no Instituto Estadual de Educação Assis Brasil. A previsão é que o ex-governador vote entre 12h e 13h. Ele é um dos que vota no interior e retorna à Porto Alegre, pois, à noite, fará pronunciamento no comitê da coligação, na avenida Assis Brasil.

Principal adversário de Leite conforme pesquisas, Onyx Lorenzoni (PL) abrirá o dia com um café da manhã com candidatos de sua coligação no comitê central, na avenida Ipiranga, na Capital, às 7h22. Depois, vota no bairro Ipanema, no Instituto Educacional João Paulo I, entre 8h e 9h30, conforme sua equipe de comunicação. O ex-ministro fará deslocamento a Guaíba, onde acompanha o voto da esposa Denise e de sua candidata a vice, Cláudia Jardim (PL). Após às 10h, inicia seu roteiro de entrevistas em veículos de comunicação em Porto Alegre e, às 17h30, volta ao comitê, onde acompanha a apuração.

Após café da manhã com candidatos de sua coligação, Edegar Pretto (PT) acompanha o voto do postulante ao Senado da sua chapa, Olívio Dutra (PT), na Igreja São João, na avenida Assis Brasil, às 8h30. Com horário previsto para às 9h30, o candidato vota no Colégio Bom Jesus Sévigné, no Centro Histórico. Ele ainda vai acompanhar o voto do candidato a vice Pedro Ruas (PSol), às 16, na Escola Técnica Estadual Irmão Pedro, no bairro Floresta, após agenda de entrevistas. Depois, Edegar vai ao comitê, onde acompanha a apuração.

Vieira da Cunha (PDT) também inicia o dia com café da manhã com candidatos apoiadores. Será na sede do PDT, no bairro Floresta, na Capital, a partir das 7h30. Ele voto no Colégio Bom Jesus Sévigné, no Centro Histórico, ao meio-dia, além de conceder uma série de entrevistas. Vicente Bogo (PSB) também vota em Porto Alegre, na Escola Estadual Edgar Luiz Schneider, no Intercap, assim como Carlos Messalla (PCB), que vota na Escola Estadual de Ensino Fundamental  Maurício Sirotsky Sobrinho, no Partenon, e Rejane de Oliveira (PSTU), Escola Municipal Leocádia Felizardo Prestes, na Vila Nova.

Atividades no Interior

Além de Leite, também votam no Interior Luis Carlos Heinze (PP), Roberto Argenta (PSC) e Ricardo Jobim (Novo). Assim como o ex-governador, Jobim fará deslocamento para Capital. Depois de votar no Colégio Nossa Senhora de Fátima, em Santa Maria, ele vem para Porto Alegre. Na agenda está o acompanhamento do voto do candidato a vice Rafael Dresch, às 13h, na Escola Estadual de Ensino Médio Anne Frank.

Heinze passará o dia em São Borja, na Fronteira Oeste. Ele inicia a manhã com um café com apoiadores e, às 8h30, vota na Escola Municipal de Educação Infantil Natércia Cunha Santos. Após o atendimento à imprensa na parte da tarde, o senador acompanha a apuração no seu escritório político no município. Já Argenta vota no distrito de Vale Vêneto, em São João do Polêsine, e depois fica reservado no distrito de Recanto Maestro, em Restinga Sêca.


Assinante
Exclusivo para assinantes
Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895